peixe

A quantidade de ração a ser colocada no tanque-rede vai variar de acordo com a temperatura da água. Aqui está a tabela com a correção do arraçoamento.

tabela-temperatura

Clique para ampliar.

Para simplificar a distribuição de ração, um jeito simples é dividir a quantidade de área por 3. Acima de 26º, trata-se normalmente (3 vezes). Entre 20º e 23º, duas vezes evitando-se as horas mais frias. Abaixa de 20º, uma vez na hora mais quente do dia.

Para facilitar o entendimento da quantidade por trato de ração por cada tanque-rede, tentamos uma tabela constando o número do tanque-rede e a quantidade de ração. Não funcionou devido ao fato de que muitas vezes os tanques-redes estão fora de ordem e o trabalho de localização perde muito tempo. Tentamos então um mapa com o número e a quantidade de ração, conforme os tanques-rede estavam localizados. Ainda assim ocorria que essa tabela as vezes ia parar na água ou no fundo do bote. Placas no tanque-rede indicando a quantidade de ração também foram descartadas pois teriam que ser trocadas e haveria uma grande quantidade delas de reserva, ficando muito ociosas. A solução mais viável também prima pela simplicidade: prendedores de roupa coloridos indicando 1/2, um e dois quilos de ração, presos em cima dos tanques-rede. O tratador ao avistar já sabe a quantidade de ração por trato. Um revisão semanal garante a exatidão dessa quantidade.