projetoAqueles que desejam iniciar ou expandir a sua piscicultura em tanques-rede podem contar com o FINAME para viabilizar o projeto.

São várias as linhas de financiamento oferecidas pelo governo em conjunto com bancos comerciais e de desenvolvimento. Cada uma tem a sua particularidade, e algumas delas são destinadas exclusivamente a aquisição de máquinas e equipamento. É o caso do BNDES FINAME – Financiamento de máquinas e equipamentos.

A gaiola para a criação de peixes é um equipamento “finamizável”, ou seja, tem a possibilidade de ser adquirido através da linha. No caso, os tanques-rede Iarema estão devidamente habilitados ao FINAME, que permite sua aquisição para atender pisciculturas instaladas em qualquer lugar do Brasil, e podem ser usados para cultivar tilápias, pacus, jundiás, etc, desde que esteja de acordo com as regras ambientais estaduais e federais.

logo-do-finame

Entendendo como funciona o FINAME

O FINAME é um programa organizado pelo BNDES que funciona atrelado à parceiros credenciados. Estes parceiros são bancos como o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Itaú, entre vários outros. Para ser elegível ao financiamento, é preciso se enquadrar em uma dessas características:

  • Fundações e sociedades com sede no Brasil

  • Pessoas jurídicas

  • Associações, cooperativas, sindicatos, clubes e instituições que se assemelhem

tanques-rede-em-paranapanema

Uma vez que as operações de financiamento são realizadas de forma indireta, o interessado deve se dirigir até a agência bancária que possua conta e verificar pessoalmente a possibilidade de enquadramento, já que as opções de planos são vastas e é necessário checar qual delas atenderá o projeto da melhor forma.

As vantagens de utilização do FINAME variam conforme a instituição financeira credenciada, mas de modo geral se destaca pela facilidade do pagamento, a flexibilidade e o sistema de amortização constante, o qual as prestações ficam menores a cada parcela paga.

Os passos para a aquisição de tanques-rede Iarema através do FINAME são:

  1. Ir até o Banco onde se tem conta
  2. Análise do projeto e da documentação. Estando tudo correto, o banco encaminha a solicitação para aprovação do BNDES
  3. Após o BNDES aprovar a proposta, é assinado o contrato do financiamento
  4. Por último, a Iarema emite a Nota Fiscal e encaminhamos os tanques-rede ao produtor

Possui alguma dúvida sobre o FINAME? Mande um contato pra gente!